Melhorando um gramado cheio de ervas daninhas

Melhorando um gramado cheio de ervas daninhas

Manter o gramado atraente enquanto reduz sua manutenção geral é importante para a maioria dos proprietários. Um gramado é seu tapete de boas-vindas. É uma das primeiras coisas que as pessoas notam ao passar por sua casa. Com algumas dicas simples, é possível não só ter o gramado dos seus sonhos, mas um que demande menos trabalho para mantê-lo saudável.

Um bom gramado é um gramado de fácil manutenção. O corte e outras tarefas de manutenção do gramado não devem ser complicados ou demorados. Minimize essas tarefas implementando bordas ao redor de canteiros, passarelas, fundações, degraus, etc.

Usando bordas para o gramado

Uma borda atraente pode ser construída com pedras de pavimentação ou tijolos e nivelado com o gramado. Este tipo de orla também reduz a necessidade de aparar manualmente. Bordas de aço, alumínio e plástico são alternativas atraentes e prontamente disponíveis. As bordas também podem economizar na manutenção do gramado, mantendo a palha dentro e a grama fora.

Com que frequência cortar

Um gramado de boa aparência requer corte não mais do que a cada duas semanas. Em vez de aparar bem o gramado toda semana, deixe-o crescer um pouco. Isso realmente ajudará o gramado, permitindo que ele proteja as ervas daninhas e desenvolva sistemas de raízes mais fortes. Remover não mais do que um terço de seu comprimento total por vez também pode ser útil.

Além disso, corte somente quando a grama estiver seca e use uma lâmina afiada para fazer cortes mais limpos. Cortar a grama molhada pode espalhar fungos ou insetos; também pode embotar as lâminas do cortador.

Prevenção de Ervas Daninhas no Gramado

Um gramado bem preparado não contém manchas nuas ou áreas irregulares onde a grama não crescerá. Se uma área nua se desenvolver, não a deixe aberta à invasão de ervas daninhas; semeie novamente a área o mais rápido possível ou transforme-a em um canteiro de flores. Se o gramado tem áreas com sombra significativas que dificultam o cultivo de grama, considere usar grama que adora sombra ou incorpore um jardim com sombra. Você também pode tentar reduzir a quantidade de sombra removendo os galhos mais baixos das árvores que podem estar causando essa sombra.

Ervas daninhas e gramíneas silvestres não devem estar presentes no gramado bem cuidado. Dentes-de-leão pipocando no gramado são um sinal de que estão ocorrendo problemas de solo.

Fertilizando seu gramado

Mesmo se você estiver comprometido em ter um gramado de baixa manutenção, você precisará fertilizá-lo com nitrogênio para sustentar um gramado espesso e vigoroso. Além de nitrogênio, seu gramado pode exigir doses de fósforo e potássio também. Dependendo de onde você mora, no entanto, seu solo pode conter naturalmente níveis suficientes desses elementos. Teste seu solo regularmente para se certificar de que todos os nutrientes estão em equilíbrio.

Ao escolher o fertilizante, procure as formas de liberação lenta. Usar fertilizantes de liberação lenta permitirá que você reduza a quantidade de tempo que gasta alimentando o gramado. Eles não precisam ser aplicados com tanta frequência, economizando tempo e dinheiro. Deixar os recortes onde caem não só economiza na manutenção, mas também reduz a necessidade de fertilização. As aparas de grama naturalmente adicionam nitrogênio ao solo à medida que se decompõem e também ajudam a conservar a umidade do solo. Esta também é uma ótima alternativa ao uso de fertilizantes químicos. Um gramado saudável e bem alimentado irá resistir aos ataques de pragas e doenças, bem como impedir o aparecimento de ervas daninhas.

Regando seu gramado

Um dos melhores protetores de manutenção do gramado é menos frequente, mas rega mais profundamente. A quantidade de água necessária ao gramado depende da grama, do solo e da quantidade de chuva que recebe. Geralmente, regar uma polegada uma ou duas vezes por semana deve ser suficiente.

Dê ao seu gramado a água de que precisa, mas não mais. Se chover durante a semana, diminua a rega. Se estiver extremamente quente ou ventoso, pode ser necessário aumentar a rega. Existem, no entanto, maneiras de minimizar a necessidade de irrigação. Manter a grama mais alta cortando com menos frequência ajudará a sombrear o solo, reduzindo a evaporação da umidade.

Melhorando um gramado cheio de ervas daninhas

A escolha de gramíneas nativas ou adaptadas à sua área geralmente requer menos irrigação. Melhorar a qualidade do solo do gramado, sem produtos químicos, também pode reduzir as necessidades de irrigação, e os gramados orgânicos requerem menos irrigação do que os tratados quimicamente.

Video: Controle de ervas daninhas

Like this post? Please share to your friends:
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!:

cache:no / mysql:51 / gen:0,925 / memory:33.6 MB